Acabe Com as Dores da Artrite Praticando Yoga

Se você acorda todos os dias com o corpo rígido e muitas dores, melhor observar e, se persistir, procurar um médico.

Ossos que estalam ao menor movimento, rigidez e dor podem ser sinais de artrite. A maioria das pessoas que sofre com a doença, independente da idade, não se exercita com regularidade. E se você é do time que não gosta de atividades físicas, que tal experimentar o yoga? Além de prevenir, essa prática é um poderoso aliado no combate às dores da artrite.

“O yoga é um conjunto de técnicas que trabalha o corpo e a mente trazendo inúmeros benefícios. É uma prática saudável que também estimula você a melhorar seus hábitos alimentares e rotina de vida, o que influencia a desintoxicar o seu corpo daquilo que lhe causa males”, afirma a professora de yoga Mary Màkim.

Para quem sofre de artrite, o yoga clássico é o mais recomendado, já que trabalha a flexibilidade e a respiração em movimentos suaves. Mas você pode – e deve – conversar com seu médico e procurar um instrutor especializado que poderá lhe ajudar a desenvolver melhor os ásanas (posturas), os pranayamas (técnicas respiratórias) e a meditação.

Para começar, Mary ensina algumas posturas básicas que você pode praticar em casa, sozinho, como complemento ao tratamento da artrite.

Tadasana (Postura da Montanha)
• Em pé, fique com o corpo ereto, cabeça e queixo à frente, braços estendidos ao longo do corpo ligeiramente afastados. Mantenha as pernas estendidas e unidas com pés paralelos.
• Faça a mesma postura com braços elevados.
• Inicie a postura com braços ao longo do corpo, permaneça até dez segundos, eleve, permaneça mais dez segundos, descanse e repita cinco vezes.

Virabhadrasana (Postura do Guerreiro)
• Em pé, com as pernas afastadas, eleve os braços estendidos formando um triângulo.
• Com as palmas das mãos viradas para fora e o rosto voltado para mão esquerda, flexione o joelho da perna esquerda e vire o pé para mesma lateral. Mantenha a perna direita estendida com o pé direito posicionado à frente.
• Retorne à posição do triângulo e repita o movimento para o lado contrário. Faça cinco repetições para cada lado.

Chakrasana (Meia Roda Aérea)
• Em pé, com o corpo ereto, solte os ombros e deixe as pernas estendidas e os pés ligeiramente afastados.
• Inspire e eleve os braços, inclinando o corpo para trás. Retorne à postura inicial e repita o movimento cinco vezes.

Mirtasana (Postura do Morto)
• Deitado em decúbito dorsal (com a barriga para cima), afaste ligeiramente os braços e pernas do corpo. Relaxe e mantenha uma respiração mais suave e tranquila pelo tempo que conseguir ficar confortavelmente sem dormir.

Atenção!
“O yoga pode e deve ser praticado por crianças, jovens, adultos e melhor idade. Porém, todo e qualquer exercício físico para portadores de alguma doença deve ser acompanhado também pelo médico responsável pelo tratamento. Os movimentos ao lado podem ser praticados como prevenção e como um auxílio nos tratamentos da artrite, melhorando consideravelmente as dores, mas apenas com a autorização médica. Você deve prestar atenção ao próprio corpo sentindo cada movimento e respeitando seus limites, melhorando a cada dia”, ressalta a professora.

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *